Home Estudos Bíblicos Carta a Igreja de Sardes
Carta a Igreja de Sardes PDF Imprimir E-mail

Fundo Histórico

A carta à igreja de Sardes (Ap. 3.1-4)

?Ao anjo da igreja em Sardes escreve: estas coisas diz aquele que tem os sete espíritos de Deus, e as sete estrelas: Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto. Sê vigilante, e consolida o resto que estava para morrer, porque não tenho achado integras as tuas obras na presença do meu Deus. Lembra-te, pois, de como tens recebido e ouvido, guarda-o, e arrepende-te. Portanto, se não vigiares, virei como ladrão, e não conhecerás de modo algum em que hora virei contra ti. Tens, contudo. Em Sardes, umas poucas pessoas que não contaminaram as suas, vestiduras, e andarão de branco junto comigo, pois são dignas.

Sardes era uma poderosa igreja, dona de um grande nome, conseguiu rejeitar a ímpia mulher, Jezabel, mas reteve ainda muitas de suas formalidades e ardis.

O nome Sardes significa?os que escapam ou os remanescentes?, o nome em grego significa ?príncipe de gozo?. Sardes ou Sardo, era uma cidade de glória deslustrada. Outrora tinha sido a capital do antigo reino da Lídia, mas entrou em ocaso. Depois da conquista persa, até que Tibério a reconstruiu depois de um terremoto. A cidade era célebre por duas coisas: a sua indústria de tintura e lã, e a libertinagem. A igreja em Sardes parece refletir a história da cidade. Houve tempos quando tinha um nome para progresso espiritual, mas agora era sem vida (1); a libertinagem caracterizava tanto os cristãos como os pagãos, de sorte que ali havia poucas pessoas que não tinham contaminado os seus vestidos (4), isto é, manchado a sua profissão cristã.

Sardes foi a primeira cidade dessa região a receber o Evangelho, e a primeira a desviar-se da fé, e uma das primeiras a cair em ruínas. Como período da Igreja, Sardes, corresponde ao período da reforma, que produziu o protestantismo com suas ramificações (1.6000 D.C.).

A situação geográfica: encrava-se no pequeno continente da Ásia Menor (hoje atual porção da Turquia Asiática). Era essa a capital do antigo reino da Lídia, originalmente Sardes fora uma fortaleza poderosa; mas Ciro, rei da Pérsia, derrotou esta cidade e outras cidades das redondezas, no ano de (549 a.C.), e passou esta cidade a mão de Antioco, o Grande.

O culto mais importante em Sardes era prestado a Cibele, a deusa de uma das mais famosas religiões de mistério da Ásia. Sardes também promovia com zelo o culto ao imperador.

O povo da cidade era conhecido por sua maneira luxuosa e dissoluta, de viver.

A Revelação Singular de Cristo a Igreja

Como se Apresenta o Senhor

Cristo se apresenta como o possuidor dos sete espíritos, possivelmente para representar o Seu perfeito conhecimento dos feitos da igreja (veja vers. 6), se bem que isto possa sugerir os dons espirituais que ele deseja conferir-lhe em contraste ao estado desanimado da igreja. Para as sete estrelas (1) ver 1.4 e 1.20. Note-se que embora alguns cristãos permaneçam fiéis ao seu Senhor (4), a igreja como tal é caracterizada como morta; por estarem nesta condição todos são tidos como responsáveis. Com a primeira parte do vers. 2, comparar Mt 24.42; com a segunda parte, comparar Dn 5.27.

Os tempos dos verbos no vers. 3 são descomunalmente variados: "Lembra-te (presente), pois, do que tens recebido (perfeito) e ouvido (aoristo); e guarda-o (presente), e arrepende-te (aoristo). E se não vigiares (3) relembra Mt 24.43-44 e se refere ao Advento final.

Alguns estudiosos consideram que Ap 16.15 tem sido deslocado e deve ser inserido logo antes desta afirmação. É fato que a situação de 16.15 no contexto atual é curiosa e fica melhor aqui, mas a deslocação do texto não passa de ser pura conjetura. O seu nome (5). Segundo certo uso da época o nome era sinônimo de " pessoa ".

É de supor que os cristãos contaminavam os seus vestidos acomodando-se aos costumes pagãos dos seus próximos.

Aquele que mantinha o seu caráter e testemunho imaculados haveria de acompanhar a Cristo num vestuário de glória?.

Isto diz o que tem os sete Espíritos de Deus e as sete estrelas. Há uma cesta semelhança entre este título e aquele qual Se revelou a Éfeso; Aquele que tem na sua destra as sete estrelas, que anda no meio dos sete castiçais de ouro. Aqui se trata dos sete Espíritos de Deus que encontramos diante do trono do julgamento, percorrendo toda a terra, assim como das sete estrelas.

Mensagem de Cristo a Igreja

Recomendação

Se Sardes escapou de Tiatira e de suas abominações, se tem luzes e privilégios múltiplos, tanto maior é sua responsabilidade. Recebeu muito. Mas nada é mais comum entre os protestantes do que dar adesão intelectual a uma verdade bíblica, sem a menor intenção de conformar sua vida com ela. É fácil ver que nisso Sardes é mais culpada que Tiatira. Será por isso que o Senhor é paciente com ela? Sardes sabe? E é por isso que o Senhor se apressa a julgá-la porque se tornou cega em seu estado real diante de Deus.

O perigo de Sardes é confiar em sua reputação. O Senhor a previne disso: Tens nome de que vives, mas estas morto. Recebeste muito, mas estas a ponto de perder o que te foi dado.

...?Se vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer: porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus?.

A falta de vigilância tem trazido muitos males à homens famosos.

Sede sóbrio; vigiai. É esta a recomendação ou a mensagem divina.

Aplicabilidade a Vida Cristã

Aplicando estes versículos: ?tens nome de que vives, e estás morto?. É um assunto gravíssimo. A razão da morte espiritual é ocasionada pela falta de vigilância, Mt 26.41. A expressão no ver. 2 ? confirma os restantes que estavam para morrer?. Equivale a dizer: fortalece ou ajuda ( Lc. 22.32) os que estão vivendo com os mesmo sentimentos. Temos que tomar uma decisão categórica para fazemos uma reforma em nossas vidas, e ter certeza que o Senhor tem se agradado de nossos atos e de nossas obras. Deus de maneira nenhuma pode ser excluído da igreja pela união desta com o mundo. As obras da igreja de Sardes não eram perfeitas diante de Deus, porque tudo era feito fora do espírito e ensinamentos dos apóstolos.

O apostolo Paulo diz: ?Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmos. Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros?, Fp 2.3,4; ?Não sejamos cobiçosos de vanglórias, irritando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros?. Gl 5.26. Tiago também diz ?Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade?. Tg 3.14. Estas eram as obras que Sardes apresentava.

Não é preciso somente sair de Sardes e separar-se dela, mas, fora de seu ambiente, é preciso progredir sempre. Os que ouviram o que o Espírito diz não podem ficar indiferentes ou neutros; de outro modo, também serão contaminados. A inatividade, a passividade, ou outra certa tolerância de muitos cristãos diante do erro e da apostasia de Sardes, são coisas graves.

Do mesmo modo a atitude que consiste em querer conter e fazer parar ?a corrente moderna? permanecendo na igreja decaída. Essa posição é feita de irrealidade e de ilusões, é inteiramente favorável ao diabo. Sardes esta decaída, esta rejeitada por Deus. Seu filho nada tem a fazer nela e, como veremos, Deus os chama para uma marcha individual e pessoal com Ele, para qualquer coisa mais que um simples protestantismo.

Acontecimentos Que Marcaram Épocas

Um dos acontecimentos que marcaram épocas na igreja de Sardes era o culto prestado a Cibele, a deusa de uma das mais famosas religiões. E também em Sardes eles promoviam um culto que ficou muito famoso; o culto ao imperador.

Além disso, que é coisa sem importância para a vida espiritual, quero acrescentar coisas espirituais que marcaram épocas.

E se não vigiares, virei sobre ti como ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei.

Este versículo marcou esta época da igreja de Sardes. Há uma espécie de vigilância que inclui todas as outras: Vigiar a vinda do Senhor.

Alguém pode perguntar:

Por que a Bíblia chama Jesus de ladrão?

A Bíblia não chama Jesus de ladrão.

Jesus foi quem disse que a sua vinda será como ladrão de noite, para ilustrar a maneira inesperada e surpreendente desse evento. Será uma ação rápida e momentânea, e quem estiver dormindo não perceberá quando Ele vier.

Amado irmão(a), fique sempre alerta !!! Não deixe que o mundo entre na tua vida, e você venha perder a visão celestial. E quando a visão começa a empalidecer é porque o coração está divido. E quando se divide perde a glória de Deus e a unção do Espírito Santo. Ai poderá vir o Senhor e você ficar como as virgens néscias.

Que o Senhor nos dê vida em Cristo Jesus para podemos estar com nossas vestes sempre brancas esperando o arrebatamento.