Home Estudos Bíblicos Patriarca Moisés
Patriarca Moisés PDF Imprimir E-mail

     Estamos entrando em mais um período, o chamado período da Lei; e vimos na aula passada como terminou o período da promessa, com a escravidão do povo de Deus no Egito. A família de Jacó, 75 pessoas, entrou no Egito, e ali dentro do Egito, Deus transformou aquela família num povo, um povo tão numeroso que assustou o Faraó, que determinou que o povo de Deus fosse escravizado. Era um povo que a Bíblia descreve que era maior e mais forte do que os egípcios.

     Deus fez um povo dentro de outro povo, é sobrenatural. Um povo distinto e separado, mas que foi escravizado pelos egípcios. Quando chegou o tempo que Deus determinou, profetizando a Abraão, lembram?

  •    Gênesis 15:13~16; Deus deu a promessa a Abraão da terra e da descendência, mas profetizou que a descendência seria peregrina em terra alheia e reduzida a escravidão (seria afligida por 400 anos).

Chegando então esse tempo determinado, com o povo escravizado no Egito, Deus levanta um libertador, Moisés.

 

O nascimento de Moisés

  • Vimos que o povo de Israel crescia e que o rei do Egito ficou muito preocupado e ordenou que fossem escravizados. Mas quanto mais os egípcios afligiam o povo de Israel, tanto mais este se multiplicava e se espalhava 
  • Êxodo 1:12.

Então o rei do Egito chamou as parteiras e ordenou a elas que matassem todo menino que nascesse, mas as parteiras não fizeram isso e Deus as abençoou.

 Êxodo 1:15~21

  • Então Faraó tomou uma providência mais drástica, ordenou ao seu povo que matassem todos os meninos dos hebreus.

 Êxodo 1:22

Vemos já desde o início, Satanás querendo destruir o povo de Israel; Faraó era um tipo, uma figura, do anti-cristo.

 Êxodo 2:1~10; o nascimento de Moisés.

O que acontece?

Nasce Moisés.

Os pais crendo, num país onde os guardas estavam espalhados para matarem todas as crianças, pegam esse menino e o colocam num cesto (daí os cestos de crianças chamarem-se Moisés), e o largam no meio do principal rio do país. Quando vemos isso, nem paramos para pensar; vocês teriam coragem de fazer isso? Só mesmo movido pelo Espírito Santo. A filha do Faraó resgata o cesto com Moisés, e Deus determina: "O libertador do meu povo será criado como príncipe na casa do Faraó". Moisés então é criado na casa dele, pela sua própria mãe, ganhando um ordenado, com todo apoio da princesa e do Faraó, é adotado, pela princesa e criado como um príncipe; Glória a Jesus por isso.

A chamada de Moisés por Deus

  • Passado o tempo, morreu o rei do Egito e o povo de Israel clama por libertação; e Deus se lembra do pacto com Abraão, com Isaque e com Jacó.

 Êxodo 2:23~25

  • Deus então chama Moisés para libertar o povo do Egito; antes Moisés viveu 40 anos no Egito e 40 anos no deserto, onde casou-se com Zípora e teve um filho, Gérson.
  • Êxodo 3:1~22
  • V.2; "o anjo do Senhor"; é o próprio Jesus Cristo, aqui é uma Cristofania.
  • V.5; "tira os sapatos dos pés"; diante de Deus temos que nos desarmar por completo.
  • V.6; "O Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó"; o nome de Deus após a aliança com Abraão.
  • V.13~14; Qual é o seu nome? Que lhes direi? "EU SOU O QUE SOU, EU SOU é o Meu nome". Essa passagem é tão importante que na língua hebraica não existe o verbo "ser", sendo atribuído somente a Deus; em hebraico não se diz "eu sou fulano" e sim "eu fulano".

João 8:58~59; Jesus, que era judeu, disse: "Eu sou"; os judeus pegaram em pedras para lhe atirarem, pois para eles era uma blasfêmia. Jesus podia dizer assim, pois "Ele é o que é", mas os judeus não o receberam como Messias.

  • Quando Deus chamou Moisés, falou tudo que iria acontecer; Deus sempre fala antes a nós, o que vai acontecer:

- Vocês Me servirão neste monte (V.12); o monte Horebe, onde Moisés foi chamado por Deus (V.1)
- Eu sei que o rei do Egito não vos deixará ir, a não ser por uma forte mão (V.19)
- Farei maravilhas e eles vos deixarão ir (V20)
- Quando sairdes, não saireis vazios (V.21)
- Os egípcios serão despojados (V.22)

  • Após a chamada de Moisés, sucedeu-se:

 Êxodo 4:1~17;    Moisés recebe poder de Deus; Arão é escolhido para ajudar Moisés.
 Êxodo 5:1~5;      Moisés e Arão falam com Faraó para libertar o povo e não são atendidos.
 Êxodo 5:6~9;      Faraó ordena que os israelitas sejam ainda mais afligidos.
 Êxodo 5:20~23; O povo reclama com Moisés.
 Êxodo 6:1~8;      Deus confirma que libertará o povo. Deus se apresenta como Jeová, que significa: "EU SOU O QUE SOU" e "EU SEREI O QUE SEREI". O mesmo nome de ?Êxodos 3:14, o "EU SOU".
 Êxodo 6:28~30 e Êxodo 7:1~7; Moisés fala novamente com Faraó.
 Êxodo 7:8~13;   A vara de Arão, torna-se em serpente e os magos do Egito são derrotados.
 Êxodo 7:14;       O coração de Faraó mostra-se endurecido e mais uma vez não deixa o povo ir.

  • As dez pragas do Egito:

1ª: As águas tornam-se em sangue
2ª: A praga das rãs
3ª: A praga dos piolhos
4ª: A praga das moscas
5ª: A praga da peste nos animais
6ª: A praga das úlceras
7ª: A praga da saraiva
8ª: A praga dos gafanhotos
9ª: A praga das trevas
10ª:A praga dos primogênitos
 

Cada vez que Moisés falava com Faraó, alertando-o das pragas caso não deixasse o povo ir livre, o mesmo dizia: "amanhã deixarei o povo ir", e seu coração ficava endurecido e não permitia o povo ir, então as pragas aconteciam. Nunca devemos deixar para amanhã as coisas de Deus; muitos endurecem o seu coração e não querem Deus em suas vidas e quase sempre sobrevêm problemas, "pragas".
Faraó a cada praga, ia libertando uma parte do povo, dos animais e dos bens do povo; Satanás fica sempre lutando para reter nossas bênçãos e pessoas de nossas famílias quanto a salvação. Devemos dizer a Satanás em nossas orações, como Moisés: "nem uma unha ficará", ?Êxodos10:24~26.

  • A instituição da Páscoa e a saída do povo do Egito:
  • Êxodo 11:1~10; Anúncio da morte dos primogênitos.

Êxodo 12:1~14; A instituição da Páscoa.
Êxodo 12:29~36; A morte dos primogênitos.
Êxodo 12:37~42; A saída dos israelitas do Egito.
 

Deus determinou que morressem os primogênitos de todas as famílias que estavam no Egito. Nas famílias dos israelitas também foi morto alguém; só que, em substiutiição aos seus primogênitos, um cordeiro morreu para cumprir a determinação de Deus. É a morte do "substituto", apontando para o "Cordeiro de Deus", Jesus, que morreriam no lugar do homem pecador. Glória a Deus por Seu plano perfeito!

  • A passagem pelo Mar Vermelho:

Êxodo 13:17~22;  Deus guia o povo pelo caminho; de dia uma coluna de nuvem para proteger contra o sol e a noite uma coluna de fogo para alumiar.
Êxodo 14:1~14;    O povo é perseguido pelos egípcios.
Êxodo 14:15~25;  A passagem pelo meio do Mar Vermelho: "e os filhos de Israel entravam pelo meio do mar em seco; e as águas foram-lhes qual muro à sua direita e a sua esquerda".
Êxodo 14:26~31;  Os egípcios perecem no mar. "E viu Israel a grande obra que o Senhor operara contra os egípcios; pelo que o povo temeu ao Senhor, e creu no Senhor e em Moisés, seu servo".
Êxodo 15:1~19;    O cântico de Moisés.
Êxodo 15:20~21;  Miriã dança após a grande vitoria doSenhor.