Home Reflita Profetas ou Patetas?
Profetas ou Patetas? PDF Imprimir E-mail

“ Que Deus nos envie profetas, homens destemidos que clamem em voz alta e não poupem ninguém, que abalem nações com lamentos ungidos, que sejam fervorosos quase a ponto de se tornarem insuportáveis, duros a ponto de ser difícil ouvi-los, e descomprometidos a ponto de sofrerem perseguição.

Estamos cansados de pregadores que se apresentam de roupas elegantes, linguagem suave e torrentes de palavras, mas apenas com uma gota de unção.

São homens que entendem mais de competição do que de consagração, mais de promoção do que de oração. Substituem o crescimento do reino por propaganda, e se preocupam mais com a felicidade dos membros da igreja do que com a santidade deles”

Tirado do livro: “Por que tarda o pleno avivamento?” de Leonard Ravenhill

A Palavra de Deus é pura, verdadeira e viva, no entanto alguns sujam, mentem em nome dela e matam o sopro de vida que ela traz quando compreendida e vivida.

Ser um profeta não é fácil nos dias atuais e nunca foi nos dias passados(profetas do antigo testamento). As situações eram diferentes , mas as consequencias são iguais.

Começando que o profeta do antigo testamento tinha a incubencia da apontar para a primeira vinda de Jesus Cristo, homem entre os homens,com a missão de morrer para a remissão dos pecados e os profetas de hoje apontar para a segunda volta(retorno) de Jesus Cristo,(Arrebatamento) agora não mais homem, mas um Cristo resssurreto e Senhor de uma igreja Espiritual preparada para redenção.

Uma das caracteristicas de um profeta de Deus(AT), ou a principal delas, era a entrega total do coração à vontade dEle, permanecendo fiel ao chamado, mesmo que isso acabasse em perseguições ou prisões. Hoje uma das principais características é  procurar manter-se fiel aos evangelhos, mesmo que isso gere um descontentamento  dos domésticos da fé e em proporções gigantescas na igreja local.

O "profeta" da atualidade,nem todos, tem características semelhantes que se percebem em muitos lugares:

O Profeta era chamado e enviado por Deus, hoje ele é criado pelo sistema humanizado da igreja local.

O Profeta anteriormente chorava e se escondia, hoje ele ri e se promove.

O profeta falava por impulso direto de Deus, hoje ele fala por impulso emocional.

O profeta era a autoridade constituida por Deus, hoje ele é a autoridade constituidada por Politicos, Escolas Teológicas, Faculdades e Igrejas renomadas.

O profeta era rico em sabedoria, hoje a sabedoria dos "profetas"está cada vez mais pobre apesar de terem dinheiro.

O profeta antigamente era obediente a Deus, hoje obedece o seu deus interior.

O profeta era ousado por servir, hoje é ousado em obrigar os outros o servirem (inclusive Deus).

O profeta era preso por obedecer a Deus, hoje ele é desobediente e livre para blasfemar.

O profeta ia onde Deus mandava, hoje ele manda Deus estar onde ele quer.

O profeta dava a vida por Deus, hoje ele é o "todo poderoso" que não dá nada, só pensa em receber.

O profeta era humilde, hoje ele tem títulos acumulados e o seu nariz empinado(se julga melhor que os outros).

Não quero comparar as patetadas do pateta do desenho animado, porque estas, dos homens são piores e na maioria mal intencionadas, pois não arracam risos e sim choros.