Home Reflita Sentimento - Amigo ou Inimigo?
Sentimento - Amigo ou Inimigo? Imprimir E-mail

altO Sentimento pode ser amigo ou um tremendo inimigo de quem usa de qualquer forma!

O homem foi criado por Deus e na criação Ele pensou em tudo.

Deus olhou para o barro e disse:

“Vou criar para mim o homem e fazê-lo perfeito. Dar-lhe-ei uma adjudadora bonita. Criá-los-ei para povoar a terra que enchi de glória e beleza e, mesmo sabendo que ele poderá vir a errar diante de mim vou  dar-lhe o livre arbítrio para poder julgar seus próprios atos, pois quero uma companhia bem parecida comigo.

Falo-ei plantador da semente que escolher. Chamá-lo-ei de filho e ele me chamará de Pai, pois reconhecerá que Eu o criei assim me respeitará e atenderá meus pedidos, pois me amará porquanto sou o seu criador”.

Deus sabia que o homem ia errar e desobedecer imputando-lhe assim, sua própria condenação, mas, a pergunta que rodeia a nossa mente é:

Porque, Deus nos fez com poder de decisão se sabia onde e quando iríamos errar?

Simples,

Deus não queria um ser com atitudes pré-programadas, Ele quis um ser que programasse seus sentimentos e atitudes por si, assim aquele que o adorasse seria por livre vontade. Ao formar com suas mãos do barro o primeiro homem viu que era muito bom então soprou em suas narinas o famoso fôlego de vida, digo famoso porque todo homem quer manter ele firme e por muito tempo, mas não quer o dono deste fôlego tão desejado. Despreza o Deus , dono deste fôlego, como que se fosse uma obrigação manter-lo já que nos criou. Certa ocasião ouviu-se um homem dizendo:

Deus você prometeu, então, vai ter que dar!

Loucura ou não o homem tem esta capacidade de decidir dada por Deus. Ele foi criado para amar e odiar tendo o direito de escolha. Apesar disso tudo e de tudo que vemos, ouvimos e sabemos que é fato hoje, Deus, mesmo assim criou um ser inteligente e não independente, pois o criou para ser sociável, ou seja, para viver em grupo. Daí a mulher criada em seguida para formar este grupo, mais conhecido como família, porém o homem buscou ser independente assim como a mulher busca hoje. Precisamos uns dos outros e principalmente de Deus. Até a igreja que se diz “de deus” tornou-se independente dEle e faz tudo, como se Ele não existisse.

E tudo ficou assim por quê?

Por causa do sentimento errado é claro.

No caso citado acima, o homem que diz isso se sente injustiçado e ao mesmo tempo bonzinho e merecedor do que pede, pois é Deus quem está errado, na sua concepção!

 O sentimento é:

Ação ou resultado de sentir ou aptidão para receber as impressões do mundo externo;

Disposição para ser facilmente tocado, impressionado ou comovido; SENSIBILIDADE; EMOÇÃO

O sentimento está localizado na alma do homem, ou seja,  no centro da vontade humana e tem a capacidade de sentir o mundo que o rodeia, reagindo com emoção, tornando-se sensível a tudo que vê e ouve. Dependendo do grau de emoção aplicada reage sem usar a razão e ai é que mora o perigo. Até na igreja hoje o maior problema é o mau uso da emoção, ou seja, não há equilíbrio nas reações por não filtrar a emoção pela razão. Muitos ao ler a Bíblia passam a usar (aplicar) a emoção em doses excessivas e desequilibradas por mau uso da razão.

Vejamos uma narrativa bíblica que sita um personagem chamado Jó:

Homem de poder e prestigio, vivia cheio de amigos e de status, rico e respeitado era casado e tinha dez filhos, netos enfim, um homem que não sentia falta de nada e temia a Deus. Perdendo tudo literalmente, adoeceu e ficou apenas com amigos indagando seu insucesso e uma mulher que acabou por tentar empurrar ele para o abismo da depressão dizendo:

Amaldiçoa o teu Deus e morre!

Deus que ela mesma desprezava por todo acontecido.

Jó analisa o julgamento de seus amigos, as palavras de sua mulher, a situação que estava e diz:

Mulher, falas como louca. Deus dá, Deus tira.

Nu eu vim e nu eu vou voltar. (Julgamento lógico e sensato).

Após mencionar com a razão estas palavras, suspira e na emoção diz;

“Eu sei que o meu redentor vive e por fim não vai me desamparar”.

Com alegria enche o peito e coloca toda sua emoção na esperança do que cria e convicto no que esperava. Pensou, analisou e depois de bem refletido alimentou sua esperança no amor que sentia por Deus. Jó foi um vencedor! Sua emoção não estragou o plano de Deus!

Às vezes nós colocamos mais emoção do que razão e este desequilíbrio produz reações desconjuntadas e cheias de tropeços,  conhecidas como ações do coração sem a devida analise de raciocínio. A Psicologia chama de Sanguíneo o indivíduo que age por impulso. Age sem pensar. Age com demasiada emoção.  Em algumas igrejas podemos notar isso, ações sem lógica chamadas de “pentecostais” ou “fogo puro”, comparadas aos freqüentadores de shows de “roque pauleiro” tornam-se  idênticas nas ações, jogando-se, uns contra os outros,batendo cabeça e dançando impulsivamente ao som de instrumentos ou de multidões aos gritos. Tais ações comparam-se também ás guerras bárbaras que precisavam gritar, pular e dançar para amedrontar o inimigo e espantar o medo.  Como estratégia militar para guerra chama-se baixar a moral do inimigo e em muitas igrejas hoje esta prática é comum achando-se que pode vencer o mundo espiritual com ações idênticas como demonstração de poderio. Jesus menciona como se vence no mundo espiritual:

Marcos 9.29        E disse-lhes:

Esta casta não pode sair com coisa alguma, a não ser com oração e jejum;

Em nenhum momento se diz com movimentos barulhentos e sim com movimentos silenciosos e precisos dominados pelo enfraquecimento da carne através do jejum e conversa com o Senhor que todo poderoso para vencer. Um outro exemplo que Jesus dá para vencer o inimigo é bem claro:

Tiago 4.7

Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.

Aqui Jesus diz que a obediência alicerça a resistência e a conseqüência disso é o inimigo perceber que você esta forte e invencível fugindo da sua presença. Outro versículo é claro quando menciona uma resistência (sentimento errado) ao criador:

 Atos 7.51

 Homens de dura cerviz, e incircuncisos de coração e ouvido, vós sempre resistis ao Espírito Santo; assim vós sois como vossos pais.(geração anterior)

Nós ainda temos muito que aprender em relação à resistir(usar o sentimento corretamente):

Hebreus 12.4

Ainda não resististes até ao sangue, combatendo contra o pecado.

Enquanto estivermos vivos nossos sentimentos nos acompanharão e temos que aprender colocá-lo no lugar certo para vencer pela razão, pois o verdadeiro culto que devemos prestar a Deus  deve ser racional, ou seja, pensado, analisado, meditado antes de se comprometer com a emoção de se aproximar de Deus com intenções erradas.

“É comum hoje ver cristãos”, com os sentimentos abalados por não serem correspondidos por Deus, mesmo sabendo que há muitas promessas do ouvir e realizar por parte de Deus. Porque isso acontece? Por que isso não muda apesar de tantos esforços para chamar a atenção de Deus? Por que Deus não responde se Ele promete responder prontamente e satisfatoriamente aos seus adoradores? Por que as igrejas precisam inventar tanto?

Isso demonstra que Deus não ouve e se manifesta pelo muito falar, fazer ou inventar.

 

Mateus 6.7

E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos.

Veja o que diz Deus através do profeta Isaias:

Capítulo 1

13 Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembléias; não posso suportar iniqüidade, nem mesmo a reunião solene.

14 As vossas luas novas, e as vossas solenidades, a minha alma as odeia; já me são pesadas; já estou cansado de as sofrer.

15 Por isso, quando estendeis as vossas mãos, escondo de vós os meus olhos; e ainda que multipliqueis as vossas orações, não as ouvirei, porque as vossas mãos estão cheias de sangue.

16 Lavai-vos, purificai-vos, tirai a maldade de vossos atos de diante dos meus olhos; cessai de fazer mal.

17 Aprendei a fazer bem; procurai o que é justo; ajudai o oprimido; fazei justiça ao órfão; tratai da causa das viúvas.

18 Vinde então, e argüi-me, diz o SENHOR: ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã.

19 Se quiserdes, e obedecerdes, comereis o bem desta terra.

20 Mas se recusardes, e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a boca do SENHOR o disse.

Deus é amor, mas Ele não coloca o sentimento antes da justiça.

Deus ama todos que Ele terá que mandar para o inferno!

Já parou para pensar nisso?

Se Deus colocasse sentimento, ou seja, antes de praticar a justiça Ele praticasse o sentimento de amor, nem Jesus morreria naquela cruz, nem o inferno seria criado.

Amar não significa ignorar a razão, pois quem ama repreende. Uma das melhores formas de amar é demonstrar a prática de justiça. O nosso problema, volto a repetir, é, praticar o cristianismo cheio de sentimentos errados e deixarmos de praticar a justiça, pois justo é obedecermos um Deus que nem ao seu filho poupou para nos dar uma coisa que não tínhamos direito, mas Ele nos presenteou e isso deve ser conquistado com justiça , não com emoção.

Quando a bíblia escrita pela inspiração do Espírito Santo nos adverte colocamos sentimento e achamos que ela nos cobra sempre o que não podemos dar. Se ela disser que parecemos sepulcros caiados nós logo achamos que Deus ou o pregador está apontando um dedo acusador e repreendedor. Na verdade não pensamos no que ela quer dizer.

Ela só menciona que vivemos de aparências, ou seja, por fora uma coisa e por dentro outra.  Se reconhecermos isso podemos entender que o Senhor quer nos ajudar a viver de modo verdadeiro e isso só trará benefícios para nós mesmos. Ele não está acusando, só alertando do fato que queremos esconder e deixar de enfrentar. O sentimento esconde o que podemos e devemos enxergar. A bíblia (Logus) deve ser analisada e em seguida meditada para demonstrar o sentimento de Deus a nosso respeito.

Quando Jesus parava para curar alguém que ia ao seu encontro ele perguntava:

O que queres que eu te faça?

Vamos mudar esta pergunta para:

Já sabe o que quer?

Pensa antes de pedir minha ajuda para seu problema.

Sim porque quando ele perguntava, perguntava de um modo a fazer raciocinar antes de pedir.Pensa antes de falar, porque eu vou fazer exatamente o que você quer.

As respostas eram imediatas e sem pensar proferiam seus pedidos sem pensar no que isso implicaria.

“Eu quero ver”

Jesus dizia:

Então veja!

Se pararmos para pensar nas conseqüências de nossos pedidos com certeza pediremos menos.

Principalmente quando o fazemos diante de nosso criador.

Nenhum cego na bíblia disse que queria enxergar alem da sua visão para poder colocar a emoção no lugar certo. Um cego que passa a enxergar depois de muitos anos na escuridão, corre em busca do prejuízo e acaba ficando cego de razão e coração. Veja o exemplo abaixo:

Lucas 7

1 E, DEPOIS de concluir todos estes discursos perante o povo, entrou em Cafarnaum.

2 E o servo de um certo centurião, a quem muito estimava, estava doente, e moribundo.

3 E, quando ouviu falar de Jesus, enviou-lhe uns anciãos dos judeus, rogando-lhe que viesse curar o seu servo.

4 E, chegando eles junto de Jesus, rogaram-lhe muito, dizendo: É digno de que lhe concedas isto,

5 Porque ama a nossa nação, e ele mesmo nos edificou a sinagoga.

6 E foi Jesus com eles; mas, quando já estava perto da casa, enviou-lhe o centurião uns amigos, dizendo-lhe: Senhor, não te incomodes, porque não sou digno de que entres debaixo do meu telhado.

7 E por isso nem ainda me julguei digno de ir ter contigo; dize, porém, uma palavra, e o meu criado sarará.

8 Porque também eu sou homem sujeito à autoridade, e tenho soldados sob o meu poder, e digo a este: Vai, e ele vai; e a outro: Vem, e ele vem; e ao meu servo: Faze isto, e ele o faz.

9 E, ouvindo isto Jesus, maravilhou-se dele, e voltando-se, disse à multidão que o seguia: Digo-vos que nem ainda em Israel tenho achado tanta fé.

O centurião pensou nas palavras que ia dizer, mas antes pensou em muitas coisas antes de formalizar seu pedido no coração. O sentimento dele estava no seu empregado e o desejo era curá-lo. Ele não estava pedindo nada para ele e sim para outrem! Sentimento certo no lugar certo provocou a admiração de Jesus e seu pronto atendimento. Hoje o que vemos é um “Cristianismo” egocêntrico, político e interessado. O sentimento tanto de muitos líderes, como da multidão que povoa estes templos, na sua maioria, colocam o sentimento acima de Deus e desejam riquezas pobres. O sentimento errado faz coisas inacreditáveis, inclusive encostar Deus na parede com artifícios religiosos exigindo uma reação quase que imediata do nosso Senhor. O Senhor para muitos virou servo e o obrigam a servir, usando seu nome, em meio ao povo, para forçar uma situação.

DEUS tem que fazer porque se não vai ficar mal para o Senhor!

Pessoas choram ao testemunhar que um carnê os curou,que a campanha não falhou, que o nome da igreja é o que funciona, que uma rosa tem poder, que o suor é ungido...e ai vai! Usam o sentimento de forma errada, atropelando sua inteligência se submetendo ao que fazem,falam e ensinam sem ao menos investigar onde esta a verdade em tudo isso.

Os famosos Crentes de Bereia estão quase extintos.

Prestar um culto  RACIONAL não se encaixa no sentimento IRRACIONAL!

Berrar, pular, tremer, gritar, sacudir, sapatear, virar os olhos, dançar... Trazem mais emoção e o que interessa é sair alegre, assim como um homem depois de beber tanto num bar. Mais bem aventurado é acreditar nos “homens de deus” do que acreditar no Deus dos Homens. Assim como diz a bíblia:

João 5.39

39 Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;

II Coríntios 13.5

5 Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.

I Tessalonicenses 5.21

21 Examinai tudo. Retende o bem.

I João 4.1

1 AMADOS, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo.

Esses caras ai que escreveram a bíblia que nós lemos , fizeram isso impelidos pelos sentimentos  humanos quando estavam recebendo deus em uma visagem reveladora e cheia de óleo debaixo da mão de alguém. Saulo, a caminho de damasco cai do cavalo e sai rodopiando e falando em línguas estranhas e recebe a unção de Paulo. Ananias o recebeu em seu púlpito e depois de jogar muito azeite com traços de ouro e repreender o diabo até dizer chega, Paulo voltou a enxergar. Assim que Paulo foi designado para fazer missões pela sua liderança local fizeram uma campanha para arrecadar fundos através da venda de toalhas e braceletes com a frase Jesus te Ama e quer salvar você! Fizeram uma  propaganda da igreja com logotipo em 3D e colocaram a música gospel que ganhou o anjinho dourado de ouro. Paulo cansado de viajar passou a participar de um programa de TV  e começou a pedir, pedir e pedir, para fazer a obra. Lembrando que ele carregava uma bíblia para cada data comemorativa para distribuir por R$ 180,00 reais e  sabemos que ele ficou conhecido mesmo, por ter um programa de rádio 24hs no ar, graças aos patrocinadores de outras religiões. Paulo em suas viagens usava um modelito evangélico  comprado na conde de sarzedas é claro. Depois de percorrer vários lugares ele parou na expo-cristã para expo-r mais uma vez seu ponto de vista comercial das tendas que fabricava e para isso contou com os irmãos de broche dourado. Ali, orou a Deus para fazê-lo ingressar no congresso...de jovens, senhoras e finalmente político para debater assuntos de interesse de Deus. Por fim Paulo naufragado na fé foi picado por uma víbora de irmã do grupo de oração e morreu com a seguinte frase:

Batalhei para ter um título e montei uma igreja na sé!

Tornamos-nos escarnecedores, piores que os da época de Jesus e mercadores do sentimento mais puro de Deus!

O que fizemos com o nosso sentimento verdadeiro?

Pior,

“O que fizemos com o sentimento verdadeiro de Deus por sua igreja”?

O que dizer de ler a Palavra na igreja e ver pessoas torcendo o bico, suspirando e olhando para o relógio. Grupos da esquerda, da direita do centro, do canto, da galeria. Cumprimentando-se com a PAZ DO SENHOR da boca para fora. As letras de louvor falam bonito, os instrumentos são modernos, as luzes coloridas até fumaça se vê no show evangélico, mas,

ONDE ESTÃO OS SENTIMENTOS VERDADEIROS?

Os sentimentos verdadeiros pelo Cristo que deu a vida por nós naquela cruz?

E não foi por interesse , como muitos hoje que freqüentam bancos de igreja tem, foi por amor, e, amor verdadeiro a ponto de ignorar o sofrimento que teria seguiu lançando-se ao mais profundo dos descasos que perdura até hoje. O amor de Jesus superou seus medos e dores.

A Bíblia condena o pecado e não o pecador, mas, basta não sermos correspondidos, condenamos a ausência de favores de Deus, jogando em seu rosto murmurações como se Ele fosse culpado! Deus não tem parte com o pecado e isso deve ser considerado pelo pecador que quer sua salvação, será que é difícil entender isso? Não é Deus que está errando ou, será que está? Sim eu acho que está... Em amar tanto pessoas que de fato não ligam para Ele! Claro que Deus não erra, Ele só permite que cada um escolha o que plantar! Pessoas confessam Jesus e quando achamos que elas vão crescer e ser transformadas, o testemunho delas comprova apenas que só estão freqüentando a igreja do seu bairro e se desculpando na imagem horrível daquele líder que demonstra ser pior do que ela. Sentimentos errados no lugar certo e sentimentos certos nos lugares errados... Só isso! A questão é saber onde colocamos os nossos pés.

Se Jesus voltar agora, temos a certeza de sermos arrebatados?

Se sentimento é a aptidão para perceber o mundo externo então Jesus estava corretíssimo quando disse:

“O que contamina, não é o que vem de fora, mas é o que sai de dentro.”

Vem de fora (O que vemos, ouvimos e sentimos)

Sai de dentro (Sentimentos errados sobre o que vemos, ouvimos e sentimos)

Tudo depende da forma que usamos nossos próprios sentimentos. Nossos sentimentos estão iguaiszinhos à igreja de Atos mencionada no capítulo 2?

Chegaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!

Chega de viver como evangélico, pois Deus procura verdadeiros adoradores que o adorem em espírito e em verdade e o lugar para se achar tais adoradores é no coração quebrantado e sincero de um cristão de atitudes cristãs. Não jogue fora seus sentimentos verdadeiros, basta colocá-los no lugar certo. Busque a verdade em sua vida cristã. Saia da mira dos falsos mestres e mercadores do templo. Saia da religiosidade evangélica. Volte para o centro da vontade de Deus. Pare de comer bolotas dos porcos. Volte para a casa de seu pai que ele fará uma festa de alegria por você mesmo que “seus irmãos na fé” achem ruim ou desprezem sua volta. O pai te espera filho pródigo.

O sentimento dEle é verdadeiro por você!

VOLTA!

Se você precisa de uma mão...estamos aqui para te ajudar a encontrar o caminho de volta.

Beijo nesse seu coração valoroso...